Aprender Inglês

Por Ana Carolina Boaretto Marangon                                                                  

Muito mais do que simplesmente aprender um novo idioma, aprender inglês significa ter acesso ao mundo contemporâneo, é estar "antenado" com tudo o que ocorre a nossa volta, é sentir-se parte viva e integrante, ter um canal aberto a todas as culturas, pois esse é o meio mais difundido e eficaz.

O domínio da Língua Inglesa possibilita atualmente a participação social e a inserção em um universo cultural que desconhece fronteiras. Por meio da Língua Inglesa, podemos nos comunicar internacionalmente, ter acesso a uma série de informações, preparar-nos melhor para o mercado de trabalho, construir e compartilhar visões de mundo, interagir com novas áreas de conhecimento, enfim, adaptar-nos à realidade de um mundo em constante transformação.

Além disso, a possibilidade de conhecer a cultura de outros povos e compará-la à sua pode contribuir para desenvolver no estudante uma melhor compreensão de sua própria cultura e das diferenças existentes entre elas. Essa percepção das características que identificam cada povo torna-o um cidadão mais crítico e reflexivo.

Assim, o ensino de Língua Estrangeira na escola deve buscar ultrapassar os limites da mera descrição dos fatos linguísticos ou da prática de estruturas desmembradas da realidade.

O ensino de LE deve ter um caráter dialógico, pois a palavra do outro tem importância fundamental no processo de ensino/aprendizagem. Não podemos ficar presos a metodologias que prezam apenas as estruturas gramaticais, desconsiderando a principal função da língua, a comunicativa. Desse modo, a língua pode ser percebida e utilizada como instrumento efetivo de e para comunicação.

Por isso, é fundamental que o professor crie um ambiente de interação na sala de aula. Interação com diferentes recursos didáticos e, sobretudo com o outro. Para Bakhtin e Voloshinov, a palavra é "o produto da interação viva das forças sociais" (apud FALASCA et al, 2014, p.148).

É preciso dar ênfase à oralidade, mas não apenas no que diz respeito a repetições de palavras e frases prontas, mas sim na busca de uma realidade que permita uma construção efetiva do conhecimento pela prática, pois quando o aprendiz é levado à exposição do uso da língua, consequentemente, a aprendizagem será de maneira muito mais prazerosa e consistente.

Núcleo Pedagógico de Ensino

Rua Sete de Setembro, nº 311. Parque Bela Vista,  Votorantim/SP              CEP: 18.110-420.            Tel: (15) 3353-9600

CONTATO

PCNP  LEM - Inglês          Carol Boaretto         TEL: (15) 3353-9615

anaboaretto@professor.educacao.sp.gov.br